Mais Acessadas

Zagueiro Henrique pede ''vergonha na cara'' ao Fluminense

Zagueiro desabafa após time completar cinco jogos sem vencer e pede mais doação dos companheiros em prol da vaga na Libertadores


Por: Globoesporte.com/RJ Em 30 de outubro, 2016 - 14h02 - Série A

A série de partidas sem vencer e a possibilidade de ficar fora da Libertadores 2017 vem mexendo com o Fluminense. Após o empate por 2 a 2 contra o Vitória, o zagueiro Henrique desabafou na zona mista do Maracanã. Depois de ver o time tropeçar após começar o segundo tempo em vantagem pelo terceiro jogo seguido, o camisa 33 disse que os jogadores precisam ter mais vergonha na cara para tirar o Tricolor dessa situação.

- Mais uma vez recuamos, não marcamos, olhamos e acabamos tomando o gol. Estamos lutando por uma Libertadores. Temos que nos doar mais, se dedicar mais, ter vergonha na cara pelo que estamos jogando. É difícil aceitar um gol aos 40 e tantos. É difícil assimilar. Temos chance ainda e vamos lutar até o final. Falta de tudo um pouco - frisou.

A má fase do Flu já atinge cinco rodadas. Nos últimos 15 pontos disputados, o Tricolor ganhou apenas dois. Pelas contas do técnico Levir Culpi, a equipe precisará vencer quatro dos cinco jogos que lhe restam para chegar à Libertadores. A começar pelo Cruzeiro, no dia 6 de novembro, no Mineirão. Para Pierre, os jogadores precisam mudar de conduta.

- Ainda existe chance, mas temos que mudar a nossa conduta. O que nos resta agora é vencer fora de casa. Mais um jogo difícil, diante do Cruzeiro, mas teremos uma semana para treinar e tentar quebrar essa sequência - disse o volante, que recebeu o terceiro cartão amarelo e não vai enfrentar a Raposa.