Mais Acessadas

Santos-AP pode perder estádio para semi contra o Papão na CV

CBF exige estádio com capacidade para 10 mil pessoas, mas o Zerão comporta apenas a metade


Por: Redação ORM News Em 05 de abril, 2017 - 18h06 - Copa Verde

Foto: Divulgação

Trunfo do Santos do Amapá na Copa Verde, o estádio Olímpico Zerão pode ser vetado para as semifinais da competição, contra o Paysandu. O motivo é que a praça esportiva marcada pelo meio do mundo comporta apenas cinco mil espectadores, o que representa apenas a metade do total que é exigido pelo regulamento da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) para esta fase do certame.

A determinação está explícita no artigo 18 do documento que reúne as normas da disputa. 'Para as partidas da Terceira Fase (Semifinal) e Quarta Fase (Final), os estádios deverão ter capacidade mínima de 10.000 espectadores sentados e sistema de iluminação adequado para partidas noturnas.' Vale lembrar que na primeira fase não é exigida uma capacidade mínima de público e, para a segunda fase, o piso é de justamente cinco mil torcedores. Veja abaixo!

Foto: Reprodução / CBF

O estádio tem representado o 'alçapão' do Peixe da Amazônia. No primeiro duelo, o time perdeu para o Fast no Amazonas e goleou por 4 a 1 no Zerão. Com o Remo, na segunda fase, o panorama foi o mesmo: derrota (por 2 a 1) na primeira partida e goleada por três gols de diferença no 'meio do mundo'.

Pensando nisso, a diretoria do alvinegro macapaense já sinalizou que tenta buscar alternativas para manter a partida no Olímpico. A mais viável seria a colocação de arquibancadas provisórias para alcançar a capacidade de 10 mil lugares.

As partidas entre Paysandu e Santos-AP ainda não têm ordem e horário definidos, mas a previsão é que sejam realizados nos dias 16 e 19 deste mês de abril. Na outra chave, o Luverdense aguarda o vencedor de Luziânia x Rondoniense para disputar a vaga na final. O campeão receberá cota deR$ 180 mil e o direito de entrar direto nas oitavas de final da Copa do Brasil de 2018.