Mais Acessadas

Quenzão: “este ano vai ser pau a pau!”

ESPERANÇA: Presidente da escola do Umarizal garante que disputa do título será muito acirrada


Em 26 de janeiro, 2016 - 06h00 - Atualidades

No galpão do Quem São Eles, artesãs trabalham nas alegorias que a agremiação apresentará no desfile de sábado

As escolas de Samba do grupo especial estão ajustando os últimos preparativos para o desfile de Carnaval na Aldeia Amazônica Davi Miguel, na avenida Pedro Miranda, Pedreira. Os desfiles ocorrerão entre os dias 29 e 31 deste mês. Nos barracões das escolas de samba, a ansiedade é grande para deixar tudo pronto para os desfiles. Quem tem acesso aos barracões de alegorias da Escola Império de Samba Quem São Eles, do bairro do Umarizal, pode ver grandes esculturas, com mais de quatro metros de altura em processo de acabamento. 

O presidente do Quem São Eles, Luiz Omar Pinheiro, guarda segredo sobre o que a escola vai levar para a avenida. Dentro da escola, há uma esperança forte pela conquista do título este ano. Na busca do troféu, a agremiação mudou o formato de trabalho este ano. “Quebrando uma tradição de longos anos, começamos a nos preparar em outubro para este Carnaval. Começávamos trinta dias antes. Dessa vez, desde outubro, temos a equipe de ferreiros trabalhando; em novembro começou a decoração, a escultura, a confecção e a costura. Por conta disso, o Quem São Eles está 97% pronto”, destacou. A escola conclui a confecção de fantasias que necessitam de maiores cuidados, como a da Ala das Baianas, da Comissão de Frente e os destaques.

Para se organizar, a escola alugou o barracão desde o ano passado para montar as alegorias. “No ano passado, assim que terminou o Carnaval, trouxemos os carros para cá para desmontar. O Rancho tinha essa organização anos luz à nossa frente. Esse ano melhoramos a organização e estamos muito próximos. O Rancho estava com muitas vantagens na frente das outras escolas, mas este ano vai ser pau a pau com o Quem São Eles”, garante o presidente. 

O Quem São Eles irá levar para a avenida o tema “Um diamante grená e branco nos 400 anos de Belém” em que agremiação contará a história da cidade e encerrará com os 70 anos de história do Quem São Eles homenageando antigos integrantes da escola como Davi Miguel, a porta bandeira Margarida, Luiz Guilherme e Fernando Gogó de Ouro. A escola que levará 1.500 brincantes ainda fará dois ensaios antes do desfile. O primeiro será o ensaio técnico na Aldeia Amazônica na próxima quarta-feira, dia 27, e um ensaio geral na porta da escola na quinta-feira, 28, também em comemoração aos 70 anos da escola. 

Para ler a matéria completa, assine O Liberal Digital!