Mais Acessadas

Polícia prende trio envolvido em roubo de carga

O roubo da carga de cigarros aconteceu na madrugada desta segunda-feira (13), no bairro da Guanabara, em Ananindeua


Por: Redação ORM News com informações de O Liberal Em 13 de março, 2017 - 21h09 - Polícia

Foto: Claudio Pinheiro

A Divisão de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) prendeu na tarde de hoje (13) três homens suspeitos de ter envolvimento no roubo de uma carga de cigarros. A mercadoria pertencia a empresa Souza Cruz e o roubo ocorreu horas antes das prisões, durante a madrugada no bairro da Guanabara, em Ananindeua. A carga estava escondida em uma casa. 

O delegado Cleyton Costa que comandou as investigações sobre o caso, explica que a maior parte da carga roubada foi recuperada. O material estava escondido dentro de uma casa, no Conjunto Val Paraíso. Na casa, a polícia encontrou 5 das 7 caixas que foram roubadas. Cada caixa possui um valor estimado de R$ 5 mil. 

Ao todo, três pessoas foram presas em flagrante. Wesley da Silva Lopes, 34; Celso Holanda Melo, 41; e Ronald José Souza e Souza, 44, foram conduzidos até a sede da DRCO, localizada no bairro da Sacramenta, em Belém. Os três acusados possuem antecedentes criminais. Eles foram autuados por associação criminosa, roubo e receptação qualificada. Durante os depoimentos dos suspeitos, os representantes da empresa proprietária dos cigarros estiveram na DRCO, mas preferiram não comentar nada sobre o assalto. 

Os três suspeitos negam participação no crime. Entretanto, eles foram identificados dentro do imóvel onde a carga roubada estava. As investigações dos policiais da divisão especializada indicam que todos os suspeitos são envolvidos em roubo de carga. Cada um deles possuía uma função especifica além de receptadores, eram responsáveis pela guarda da carga roubada. 

O delegado explica que Celso é considerado o individuo responsável pelo comando da operação. Ficaria sob os cuidados dele a logística das ações delituosas. As investigações continuam na tentativa de identificar com outras pessoas envolvidas com o bando. 

O delegado da DRCO explica que os três suspeitos presos não são os que renderam o motorista do caminhão onde estava a carga. O roubo ocorreu durante a madruga de hoje no bairro da Guanabara. "O motorista foi abordado por 2 assaltantes armados, que o renderam e roubaram a carga. Os assaltantes estavam em um carro Fiat Uno, de cor vermelha". Diante disso, as investigações sobre o caso permanecem, na tentativa de localizar os demais envolvidos no crime. 

O carro apreendido e usado no crime pertence a Wesley Lopes. O homem disse a polícia que alugou o veículo para Celso. Os policiais civis encontraram o carro em uma oficina. "A equipe encontrou o carro em uma oficina mecânica. O Wesley ainda tentou alegar que o veículo estava em manutenção, mas acabou confessando que tinha alugado para o Celso", reiterou o delegado Cleyton. Na avaliação da polícia civil, o veículo ter sido levado para uma oficina foi apenas um estratégia para confundir o trabalho de investigação. 

As investigações revelaram que após o crime, Celso pegou o carro de volta e deixou as caixas de cigarro roubadas na casa de Ronald, localizada no Val Paraíso. Essa não seria a primeira vez que Ronald recebe mercadorias roubadas por Celso e as esconde em sua residência.