Mais Acessadas

Perito Judicial é opção para o mercado de trabalho. Saiba!

Atualmente, há uma grande demanda por peritos no Pará


Por: Redação ORM News Em 01 de fevereiro, 2017 - 10h10 - Negócios

O conpej (Conselho Nacional dos Peritos Judiciais da República Federativa do Brasil) estará realizando no próximo sábado (4) e domingo (5),além dos dias 11 e 12 de fevereiro, em Belém, duas turmas para formação de perito judicial e também vai dar aperfeiçoamento na área. Atualmente, há uma grande demanda por peritos e poucos profissionais a disposição da justiça. A alta demanda no Estado do Pará tem impulsionado profissionais a trabalhar pelo judiciário, sem prestar concurso, e isso tem sido possível, graças a essa função.

Neste sábado (4) e domingo (5) haverá uma turma para a função de Perito Gráfico. E nos dias 11 e 12, a turma será de Perito Judicial. Com isso, o Conselho pretende inserir ainda este ano, 300 novos profissionais no mercado.O perito tem a função de oferecer laudos técnicos em processos judiciais, em que podem envolver pessoas físicas, jurídicas e órgãos públicos. O laudo técnico é escrito e assinado pessoalmente pelo perito, e se torna uma das peças [prova] que compõem um processo judicial.

“Muitos processos precisam da ajuda de peritos para ajudar os juízes a decidir as causas”, afirma o delegado regional do Conselho Nacional dos Peritos Judiciais (Conpej), Arnaldo Botelho

Os cursos são voltados para profissionais de qualquer área de atuação, seja de nível médio ou superior, e principalmente quem procura uma nova oportunidade de trabalho. Segundo Arnaldo, a formação é o pontapé inicial para quem busca novos rumos em sua carreira. “Ainda assim é importante que ele seja bem articulado e busque estar sempre presente no mercado”, completou o delegado.

Engenheiros, arquitetos, médicos, administradores, entre outras profissões, podem participar da formação, que abordará nas aulas, aspectos técnicos da atividade pericial. Após a conclusão do curso, o aluno estará habilitado a filiar-se Conpej. Mais informações no site:  www.am.conpej.org.br  pelos  números  (91) 98990-6296 e (91) 99354-2932.