Mais Acessadas

Jovens pedem e agradecem na Corda da Trasladação

Conheça as histórias dos romeiros Amanda Monteiro e Cézar Souza


Por: Redação ORM News Em 10 de outubro, 2015 - 23h11 - Círio

Promessas, agradecimentos e pedidos levam milhares de fiéis às procissões da quadra nazarena em Belém todos os anos, mas é na romaria da Trasladação que o público jovem marca presença mais forte.

Um pedido a favor da saúde de um familiar e uma promessa de vestibular. Estas duas razões levaram Amanda Monteiro, de 20 anos, e Cézar Souza, de 23 anos, a puxarem a Corda de Nossa Senhora de Nazaré mais uma vez.

'É uma promessa pela saúde da minha mãe que tem câncer. É mais um agradecimento por cada ano da vida dela', contou Amanda, que vai na Corda há três anos.

Segundo ela, a Trasladação de 2015 representa um novo desafio, já que no ano passado não conseguiu finalizar a procissão por conta de problemas respiratórios. 'Nos dois últimos anos não completei o percurso porque tenho asma, mas esse ano eu prometi a mim mesma que nem o cansaço, nem a asma vão me impedir', afirmou. 

A equipe do ORM News encontrou Amanda e um grupo de amigas na Avenida Presidente Vargas. Ela tinha acabado de sair da Corda e estava tentando voltar. 'Vamos tentar pegar mais na frente e terminar a romaria', disse.
 Foto: Isabele Fecury/ ORM News

Diferente de Amanda, que agradece e pede pela saúde da mãe, o estudante Cézar Souza resolveu participar da Corda, há seis anos, com a promessa de passar no vestibular.'Era adolescente e só pensava em vestibular, época desgastante da vida, então procurei força e fé em Nossa Senhora e passei a ir com amigos que estavam na mesma situação que eu', disse o estudante.

Mesmo após garantir a vaga no curso de Engenharia da Computação na UFPA, Cézar continua participando da Trasladação e dando sua força para levar a Imagem Peregrina até a Igreja da Sé, na Cidade Velha. 'Graças a Deus tenho muito o que agradecer, então todo ano eu faço uma promessa e no seguinte vou a Corda como forma de agradecimento', revelou.