Maré alta põe Mosqueiro em alerta até o fim do mês

Defesa Civil, Guarda Municipal de Belém e Semob vão atuar no distrito para evitar acidentes


Por: Redação ORM News com informações da Agência Belém Em 07 de abril, 2017 - 14h02 - Região Metropolitana

O distrito de Mosqueiro, na Região Metropolitana de Belém, vai ser monitorado até o fim do mês devido ao fenômeno da maré alta que pode causar estragos no local. A Prefeitura de Belém destacou órgãos estratégicos para monitorar as marés e prevenir acidentes.

As marés mais altas estão prevista para esta sexta-feira (7) e vão até o dia 15, quando devem atingir o nível de 3,7 metros. Do dia 24 até o fim do mês, o nível da maré chegará a pontos ainda mais críticos. 

Foto: O Liberal/Arquivo

“Durante o feriado da Semana Santa vamos reforçar essa ação em conjunto devido ao aumento do contingente de visitantes. Estaremos com um trabalho educativo, a partir de quinta-feira, por meio de panfletagem, desde a entrada de Mosqueiro”, explica Ian Miranda, coordenador da Defesa Civil.

Para evitar a circulação de pessoas em algumas áreas, a Semob (Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana) atuará em desvios de trânsito, além de apoio aos agentes da Defesa Civil. Uma equipe da Guarda Municipal também reforçará o apoio no Pórtico e em outros pontos críticos, como a curva do São Francisco, Paraíso , Sucurijuquara e Porto Arthur, com quatro patrulheiros, uma viatura com três guardas e dois guardas de plantão na entrada da ilha.