Mais Acessadas

Imetropará fiscaliza balanças no Ver-o-Peso nesta quarta

Durante a ação, um equipamento foi apreendido e sete foram autuados


Por: Agência Pará Em 12 de abril, 2017 - 13h01 - Belém

Foto: Elivaldo Pamplona/O Liberal

Com o propósito de garantir o direito do consumidor e proteger as relações comerciais durante a Semana Santa, o Instituto de Metrologia do Estado do Pará (Imetropará), em parceria com a Secretaria Municipal de Economia (Secon), realizou na madrugada desta quarta-feira, 12, aferição nas balanças da Pedra do Peixe, localizada na Feira do Ver-o-Peso. Durante a ação, foram autuados sete equipamentos e um foi apreendido, por estar sem condições de uso, conforme determina a normatização do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

A presidente interina do Imetropará, Emyle Carriço, informou que o objetivo da aferição é verificar se o peso demonstrado no visor das balanças corresponde ao do produto. “Diariamente, toneladas de diversos tipos de pescado desembarcam na Pedra do Peixe, oriundas principalmente da região do Baixo Amazonas, da área costeira paraense e do Marajó. No período da Semana Santa, esse número tende a dobrar, por isso a importância dessa ação para garantir que a pesagem seja justa e correta”, explicou.

Os equipamentos autuados estavam fora dos padrões de qualidade exigidos. “Essas balanças não podem ser utilizadas para fins comerciais, pois apresentam erros na medição de até 800g contra o consumidor, medição inicial avançada e algumas estavam em mal estado de conservação. Os proprietários são autuados, alguns equipamentos são recolhidos, outros interditados e encaminhados para reparo", esclareceu, ao destacar que todo o procedimento é realizado com base em portarias do Inmetro.

Cerca de 80 balanças foram fiscalizadas e o presidente da Associação dos Balançeiros do Ver-o-Peso, Daniel Bandeira, destacou o comprometimento em atuar de forma correta por parte da maioria dos trabalhadores que vendem pescado no local. "Noventa por cento dos equipamentos estavam de acordo com as exigências. Esse trabalho é importante, pois retira de circulação aquelas balanças irregulares, que acabam gerando uma concorrência desleal e prejudica não só o consumidor, mas também os comerciantes que se preocupam em atender a todas as normas. ”, pontuou.

Os consumidores que tiverem dúvidas ou quiserem fazer denúncias podem procurar a sede do Imetropará, localizada na Almirante Barroso, 1645. Podem também entrar em contato com a Ouvidoria pelo 0800-280-1919 de segunda à sexta, das 8h às 14h ou pelo e-mail: ouvidoria.imetropara@imetropara.pa.gov.br.