Mais Acessadas

Imagem peregrina de Nazaré visita as ORM

Família Maiorana e funcionários das organizações receberam a imagem e participaram de uma missa


Por: Portal ORM Em 28 de setembro, 2017 - 16h04 - Círio

Akira Onuma/Fábio Costa

Mais um ano que a imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré visita o prédio dos jornais O Liberal Amazônia e do Portal ORM. Por volta de 17h desta quarta-feira (27), a família Maiorana e funcionários das organizações receberam a imagem e participaram de uma missa celebrada pelo padre Claudio Pighin. Ao final, os que participaram da celebração tiveram a oportunidade de ter um breve contato com a imagem peregrina.

Durante a celebração o padre Claudio Peghin abordou a questão do amor como forma de estreitar os laços entre todos os funcionários e atuantes da empresa para que o trabalho de comunicação seja realizado cada vez mais com responsabilidade. "Esse momento de Maria é muito importante, pois falamos do amor fraterno. E trabalhar com notícias é necessário que saibamos o significado do amor, pois o jornal tem responsabilidade com a sociedade", declarou o padre.

A diretora Administrativa das ORM, Rosangela Maiorana Kzan, participou da celebração e disse que sempre é uma satisfação para a família Maiorana receber a imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré, uma vez que o sentimento é de renovação e esperança. "A visita da santa é um motivo de felicidade para toda a família. A sensação que temos é de força, renovação de fé", declarou a diretora administrativa.

Todos os anos o gerente do departamento de compras, Onizes Araújo, que é funcionário há 31 anos da empresa, dá uma interrompida no serviço e participa da celebração. Ele diz que já faz parte da rotina anual, pois além de ser um momento religioso é também de confraternização. "É diferente tratar com os amigos durante a relação de trabalho e tratar em um momento onde estamos falando de amor e união. Essa visita nos revigora", comentou o funcionário da empresa.

Após a celebração os funcionário tiveram a oportunidade de chegar perto da imagem peregrina e após o momento de oração todos participaram de um coquetel.