Mais Acessadas

Ex-ginastas da seleção americana relatam abuso sexual

O médico Larry Nassar é acusado de abusar as ex-atletas em falso tratamento


Por: EXTRA Em 20 de fevereiro, 2017 - 15h03 - Mundo

Três ex-ginastas da seleção americana disseram, ao programa de TV da CBS “60 Minutos”, ter sido vítimas abusos sexuais por parte do médico da equipe, Larry Nassar, ao longo da década de 90. As ex-atletas Jamie Dantzscher, Jeannette Antolin e Jessica Howard, disseram que foram enganadas pelo profissional, que dizia aplicar procedimentos médicos. Na época, todas eram menores.

Todas as ex-ginastas relataram que o médico inseria, sem luva, os dedos em suas partes íntimas por bastante tempo. “Ele dizia que isso colocaria meus quadris no lugar e ajudaria a minha dor nas costas”. contou Dantzscher.

O médico Larry Nassar, acusado de abuso sexual. Foto: Divulgação

O trio também revelou que viveu um grande conflito entre a confiança no médico e o desconforto com a situação. “Na minha cabeça, eu pensava ‘Se ajudar, vou fazer qualquer coisa. É tratamento. E não se reclama de tratamento”

Nassar teria feito dezenas de outras vítimas, desde estudantes da Universidade de Michigan à filha de amigos, que teria sofrido abusos no começo dos anos 2000, na casa dele. O médico também responde por crime federal por possuir cerca de 37 mil imagens de pornografia infantil em sua casa, de ginastas e estudantes. O FBI apreendeu, além de dispositivos de hardware, uma câmera em que o médico armazenava imagens de abusos cometidos contra crianças em uma piscina.

Em posse de uma licença como osteopata, Nassar mantém suas atividades profissionais normalmente, e se diz inocente das acusações de abuso. Segundo ele, todas as práticas cometidas são legítimas. Sobre as acusações que enfrenta sobre os abusos contra a filha de uma família amiga, o médico se diz inocente.