Mais Acessadas

Esquema de segurança do Círio tem novidades neste ano

Aproximadamente 5 mil agentes estarão trabalhando durante a quadra nazarena


Por: Portal ORM com informações da Agência Pará Em 29 de setembro, 2017 - 11h11 - Círio

Edimar Farias

Mudanças no esquema de segurança para o Círio de Nazaré deste ano foram apresentadas, na manhã de hoje (28), durante coletiva de imprensa realizada na Segurança Pública e Defesa Social (Segup). As ações têm inicio no dia 6 de outubro e só terminam no dia 23, com o Recírio. Uma das inovações da “Operação Círio 2017” é a instalação de 20 plataformas espalhadas ao longo de todo o trajeto do Círio e da Trasladação. São cinco plataformas a mais que no ano passado, onde ficarão 40 militares da PM e dos Bombeiros atentos a qualquer ocorrência. Os profissionais estarão munidos de binóculos e rádios de transmissão.

“Nossa ideia é colocar os agentes em posições estratégicas que facilitem a visualização e o monitoramento da procissão e das pessoas. Os praticáveis estarão visualmente identificados, inclusive em outras três línguas, para facilitar o acesso das pessoas até os policiais, além de servir como ponto de encontro de pessoas perdidas”, explicou o Coronel André Cunha, secretário adjunto de Gestão Operacional.

No trajeto dessas procissões, oito postos de triagem da Polícia Civil funcionarão como pontos de apoio. Lá, pessoas que porventura tenham cometido ilícitos serão custodiadas de forma provisória, até o fim da procissão. Para monitorar todas as ocorrências, uma Sala de Situação também vai ser instalada no Centro Integrado de Operações (CIOP). A sala vai reunir todas as informações, dados e relatórios dos agentes referentes às ações do sistema de segurança. 

Outra novidade para este ano é uma funcionalidade extra para o aplicativo “Kd a Berlinda?”, que agora além de mostrar a localização exata da berlinda que leva a imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré durante todas as procissões, vai divulgar, em tempo real, as vias que serão interditadas, os trechos, horários e o órgão responsável pela interdição.

Outra alteração é na Praça dos Estivadores, onde tradicionalmente ocorre a queima de fogos em homenagem à Nossa Senhora de Nazaré. Este ano, o espaço estará liberado para o público. 

Motorromaria – Uma das romarias mais novas e com menor percurso, a motorromaria, também vai sofrer alterações. Uma delas é a interdição das vias transversais do trajeto, bloqueando o acesso de veículos de duas e três rodas às avenidas Presidente Vargas e Nazaré. De acordo com o Coronel André Cunha, será instalado um pórtico de acesso na confluência das avenidas Marechal Hermes e Visconde de Souza Franco, onde agentes de segurança estarão prontos para fiscalizar, reter e se necessário remover veículos irregulares.

“Não permitiremos que entrem no trajeto da procissão, veículos sem placa, pessoas sem equipamentos de segurança obrigatórios ou que estejam em discordância com a legislação. Por isso, alertamos os motoqueiros que cheguem a partir das 7h para garantir sua participação na homenagem”, explicou.

No total, aproximadamente 5 mil agentes, somente das instituições vinculadas à Segup, estarão trabalhando durante a quadra nazarena.