Mais Acessadas

Assaltante baleia três pessoas e é morto por populares

Ele era conhecido por praticar assaltos perto da Esmac, em Ananindeua


Por: Redação ORM News Em 21 de março, 2017 - 12h12 - Polícia

Foto: Victor Furtado

Um assaltante conhecido por praticar inúmeros assaltos nas proximidades da Escola Superior Madre Celeste (Esmac), na Cidade Nova 8, em Ananindeua, foi morto no final da manhã desta terça-feira (21), ao balear três mototaxistas. 

A confusão começou quando moradores da área reconheceram o homem como o responsável por cometer inúmeros delitos no perímetro e começaram uma perseguição contra ele. Em fuga, logo após perceber a movimentação, ele fez um mototaxista de refém. Amigos de profissão do motociclista foram atrás para tentar resgatar o colega. 

Os mototaxistas cercaram o assaltante na alameda Santo Antônio, próximo à estrada Vila Nova e uma briga entre os quatro se iniciou. Socos, chutes, pauladas e até pedradas foram desferidas uns contra os outros. Na confusão, o criminoso baleou os três mototaxistas, identificados como Luiz Augusto Santos da Silva, Paulo Henrique e Jurandi Ferreira, deixando um em estado grave. Marcel Almeida Pereira, morador da área, também foi ferido em virtude da briga. 

Revoltados, populares da área espancaram e assassinaram o assaltante com um tiro no rosto, provavelmente com a arma do próprio criminoso. A pistola utilizada para cometer o assassinato não foi encontrada. 

Com o assaltante, que até o momento não foi identificado, foram encontrados quatro cartuchos intactos de munição 38 e uma faca. 

A Seccional da Cidade Nova e a Divisão de Homicídios (DH) estão responsáveis pela investigação do caso. 

PROTESTO

Por causa de toda a confusão e do baleamento dos colegas de profissão, mototaxistas do perímetro em que aconteceu o crime fecharam a rotatória da Cidade Nova. Saiba mais.