Mais Acessadas

Curso de perito oferece oportunidade de ganho de R$ 5 mil

Perito judicial atua como auxiliar de juízes e não precisa de concurso


Por: Redação ORM News com informações de assessoria Em 08 de novembro, 2016 - 20h08 - Educação

Maior responsável pela formação de peritos em todo o Brasil, o Conselho Nacional dos Peritos Judiciais (Conpej) realiza uma turma do curso de perícia judicial em Belém. As aulas do curso acontecem nos próximos dia 3 e 4 de dezembro, no hotel Princesa Louça (antigo hotel Hilton), na Avenida Presidente Vargas, Campina. 

Sem a necessidade de concurso, os profissionais podem atuar no judiciário do Pará como perito judicial, auxiliando os juízes nos processos com honorários de R$ 5 mil em média dependendo do valor da causa. 'Muitos profissionais desconhecem que podem trabalhar como perito, precisando apenas entender os trâmites do processo para atuar e o curso em questão tem essa finalidade', explicou o delegado regional do Conpej, Arnaldo Botelho. 

O curso é voltado para profissionais de qualquer área de atuação. Principalmente quem procura uma nova oportunidade de trabalho. Segundo Arnaldo, a formação é o pontapé inicial para quem busca novos rumos em sua carreira. “Ainda assim é importante que ele seja bem articulado e busque estar sempre presente no mercado”, completou o delegado. 

Conpej – Responsável pelo maior número de especialistas em todo Brasil aptos a prestarem serviços em diversas áreas periciais, o conselho, hoje com mais de cinco mil associados, é procurado por inúmeros profissionais com nível superior, desde médicos, engenheiros, juristas em geral, contadores, arquitetos, corretores de imóveis, entre outros.

Serviço- Curso de perícia judicial, promovido pelo Conselho Nacional dos Peritos Judiciais (Conpej), nos dias 3 e 4 de dezembro, no hotel Princesa Louça (Avenida Presidente Vargas, Campina).  As inscrições para o curso seguem abertas através do site  am.conpej.org.br  ou pelos números (91) 98990-6296 e (91) 99354-2932.