Mais Acessadas

Candidata do COPM mantém bela forma com aeróbica

Amanda de Paula, de 25 anos, treina malhação e pula corda para ficar com tudo em cima


Por: Tâmara Monteiro, estagiária, sob supervisão de Elisângela Soares (ORM News) Em 19 de fevereiro, 2014 - 17h05 - Rainhas

Foto: Alexandre Modesto

A advogada Amanda de Paula, de 25 anos, é a eleita do COPM (Clube dos Oficiais da Polícia Militar do Pará) para defender o título de Rainha das Rainhas do Carnaval 2014, na próxima sexta-feira (21), no Hangar. O clube conquistou pela primeira vez o título de Rainha no ano 2000 com Shirley Salazar de Araújo.

A loira está se preparando desde outubro do ano passado e conta ao ORM News quais as atividades físicas que vem desempenhando para manter em forma o corpo de 60 quilos, distribuídos em 1,68 metros de altura.

‘Malho três vezes na semana durante duas horas para ganhar resistência física e massa muscular. Também faço exercício aeróbico, como pular corda, que ajuda o  condicionamento cardiovascular e queima bastante calorias’, diz Amanda, que na adolescência fez aula de jazz, sapateado e dança contemporânea.

A candidata tem um cardápio bem variado para poder ganhar peso. ‘Minha alimentação é à base de carboidrato, feijão, arroz, proteína e salada. Tomo bastante água para manter o corpo hidratado’, diz.

Vaidosa por causa da profissão, a advogada não se descuida do visual. ‘Devido o meu trabalho, preciso estar sempre bem arrumada e maquiada. Não saio de casa sem máscaras para cílios, batom e blush. Ultimamente fiz um clareamento dental para ficar com o sorriso mais radiante’, explica.

Há dois anos, Amanda deu um ‘up’ no visual e adotou o loiro nas longas madeixas. ‘Faço hidratação e nutrição intensa toda semana e também uso xampu desamarelador’, revela a candidata, que cuida da pele do rosto com limpeza e não abre mão do protetor solar. ‘Tenho sardas, então, o cuidado é dobrado’, acrescenta. 

A candidata do COPM ensaia três horas por dia com um peso de 18 quilos e conta que participar do concurso é um sonho antigo. ‘Quando vi a fantasia no desenho eu já me identifiquei. Parece que ela foi feita especialmente para mim. Estou confiante, ainda mais sabendo que muitas pessoas estão na torcida por mim. Subir no palco do concurso é um momento único que estou esperando há muito tempo’, ressalta Amanda, que acredita na disciplina, concentração e alegria para ganhar o titulo.