Mais Acessadas

Portal ORM: cobertura especial dos Jogos Indígenas


Por: Redao Online Em 10 de agosto, 2005 - 11h11 - Amazônia

Altamira será a sede dos II Jogos Indígenas do Pará, no período de 13 a 19 de agosto. O município, localizado na mesorregião Sudoeste do Pará, é considerado o maior do Brasil em extensão territorial, com 178.078 km2. Com promoção do Governo do Pará, por meio da Secretaria Executiva de Esporte e Lazer (Seel), o evento terá a participação de 600 índios, de 18 etnias paraenses e duas convidadas do Estado do Mato Grosso.

Cobertura - O Portal ORM vai estar lá, no local dos Jogos, com uma cobertura especial para os internautas. Reportagens sobre as competições e sobre curiosidades estarão ao alcance do seu mouse.

A festa será o maior desfile da diversidade cultural indígena paraense. Altamira concentra uma população de 8.500 índios, de nove etnias oficialmente reconhecidas pela Funai e mais outras cinco que ainda não conseguiram  a oficialização de suas terras junto ao Governo Federal.

Nos últimos anos, a região tem sido castigada por conflitos de posse de terra. A realização dos II Jogos Tradicionais Indígenas pretende mudar o curso dessa história.

Para realizar os Jogos Indígenas, a cidade se preparou desde o início do ano. Os empresários dos setores de hotelaria, restaurantes, transportes, que ficarão mais movimentados em função do grande número de turistas e visitantes, estão entusiasmados com a possibilidade de dobrarem o faturamento.

O setor da educação também está mobilizado. Alunos, professores e educadores querem participar ativamente. Os estudantes do Núcleo da Universidade do Estado do Pará vão trabalhar nos jogos como voluntários. Tudo pelo sucesso do evento. A idéia é gerar emprego e renda no próprio município.

A realização dos Jogos atende a uma reivindicação dos próprios índios que, após a participação de uma competição nacional, solicitaram ao Governo a realização de uma versão paraense do evento. Em 2004 o Governo do Pará realizou os jogos indígenas paraenses pela primeira vez. O evento aconteceu na cidade de Tucuruí, no período de 15 a 20 de junho, reunindo 450 índios de 14 etnias.

Modalidades - A programação dos Jogos segue o mesmo modelo adotado nos Jogos dos Povos Indígenas de caráter nacional. As modalidades são divididas em tradicionais (arco e flecha, arremesso de lança, cabo de guerra e corrida de tora), não tradicionais (futebol de campo, natação e atletismo), além das modalidades apenas demonstrativas, como lutas corporais e ronkrã.

A grande novidade este ano será o futebol de cabeça ou o 'Xikunahity', cuja pronúncia é 'Zikunariti', praticado pelos índios Paresi, de Mato Grasso. As noites serão dedicadas a atividades culturais com rituais de pajelança, danças e cultos aos deuses indígenas. Na programação alternativa o público poderá conferir exposição fotográfica, vídeos e artesanato.

Programação

Dia 13/08/05 (Sábado)

18h - Acendimento do Fogo Indígena (Alto do Mirante).

Dia 14/08/05 (Domingo)

8h - Congresso Técnico (Centro de Convenções)

18h -Cerimônia de Abertura (ARENA)

Dia 15/08/05 (Segunda-feira)

8h - Futebol Masculino e Feminino (Xingu Praia Clube)
Futebol Masculino (Estádio Municipal José Marino Bandeira de Mattos 'O Bandeirão')

15h - Esportes Tradicionais (ARENA)
-Arco e Flexa (Masculino)
-Kaipy (Masculino)
-Demonstração de Corrida de Tora (Masculino/Feminino)
-Rõnkran (Masculino)
-Arremesso de Lança (Masculino)

19h - Apresentação Cultural - NOITE - ARENA

Dia 16/08/05 (Terça-feira)

8h - Futebol Masculino e Feminino (Xingu Praia Clube)
-Futebol Masculino (Estádio Municipal José Marino Bandeira de Mattos 'O Bandeirão')

15h - Esportes Tradicionais (ARENA)
-Lutas Corporais (Masculino/Feminino)
-Cabo de Guerra (Masculino/Feminino)
-Atletismo 100 metros (Feminino)

19h - Apresentação Cultural - ARENA

Dia 17/08/05 (Quarta-feira)

8h - Final do Futebol Masculino e Feminino (Estádio Municipal José Marino Bandeira de Mattos 'O Bandeirão')

15h - Esportes Tradicionais (ARENA)
-Xikunahity (Masculino)
-Cabo de Guerra (Feminino)
-Lutas Corporais (Masculino/Feminino)
-Akô (Masculino)
-Atletismo 100 metros (Masculino)

19h - Apresentação Cultural

Dia 18/08/05 (Quinta-feira)

8h - Natação - Masculino/ Feminino (Xingu Praia Clube)
-Canoagem (Xingu Praia Clube).

15h - Esportes Tradicionais (ARENA).
-Final Cabo de Guerra (Masculino/Feminino)
-Kaipy (Masculino)
-Final Arco e Flecha (Masculino)
-Xikunahity (Masculino)
-Corrida de Tora (Masculino/Feminino)

19h - Apresentação Cultural

Dia 19/08/05 (Sexta-feira)

8h - Corrida de Fundo 3.000 (Masculino/Feminino). Saída: Avenida João Pessoa (Concha Acústica) na Orla do Rio Xingu. Chegada: Avenida João Pessoa (Concha Acústica) na orla do Rio Xingu.

18h - Encerramento dos Jogos.

Programação Complementar – ARENA

Exposição Fotográfica e Cinemateca - Exibição de Vídeos Indígenas - período de 14 a 19/08/05, das 14h às 20h.

Casa do Encontro - oficinas - período de 14 a 19/08/05, das 14 às 20h.

Vendas de Artesanatos Indígenas - período de 14 a 19/08/05, das
14h às 20h.

Percurso da Corrida de Fundo:

3.000 metros - Masculino/Feminino

Saída: Avenida João Pessoa (Concha Acústica) na Orla do Rio Xingu.Trajeto: Passagem da Independência, Coronel José Porfírio, Rua Acesso 2, Rua Coronel Tancredo Neves, Avenida João Rodrigues, Avenida Brigadeiro Eduardo Gomes, Travessa Pedro Gomes. Chegada: Avenida João Pessoa (Concha Acústica) na Orla do Rio Xingu.
 
Modalidades:

Modalidades indígenas tradicionais:
• Arco e flecha
• Arremesso de lança
• Cabo de guerra
• Canoagem
• Corrida de tora

Modalidades indígenas não-tradicionais:
• Atletismo
• Futebol de campo
• Natação

Modalidades indígenas demonstrativas:
• Lutas corporais
• Ronkrã
• Xikunahity (futebol de cabeça)