Mais Acessadas

Produtores se mobilizam para acelerar legalização ambiental no sul do Pará


Em 17 de novembro, 2011 - 17h05 - Amazônia

 

 

Produtores rurais de São Félix do Xingu, no sul do Pará, município que concentra um dos três maiores rebanhos bovinos do Brasil, participam nesta sexta-feira (18) de uma mobilização para acelerar a legalização ambiental dos imóveis rurais da região e a retirada do município da lista dos maiores desmatadores da Amazônia.


Coordenada por técnicos da organização ambiental The Nature Conservancy (TNC), em parceria com a Prefeitura e o Sindicato dos Produtores Rurais de São Félix do Xingu, além da Secretaria Estadual do Meio Ambiente, a mobilização vai reunir pecuaristas e agricultores para esclarecer dúvidas e mostrar as vantagens da inclusão das propriedades no Cadastro Ambiental Rural (CAR), o banco de dados do governo que reúne informações precisas sobre dimensão, limites e situação ambiental das fazendas.

 

Em São Félix do Xingu, mais de 78% da área rural privada do município já foi incluída no CAR, mas o município precisa chegar a 80% para cumprir uma das três metas exigidas pelo Ministério do Meio Ambiente para tirar um município da 'lista do desmatamento'. Fazer parte da lista prejudica os próprios produtores por bloquear o acesso ao crédito rural em bancos públicos e dificultar a venda de carne aos maiores frigoríficos do país.