Mais Acessadas

Operação municipal faz desobstrução das ruas de Icoaraci


Em 06 de abril, 2011 - 17h05 - Região Metropolitana



Uma operação municipal demoliu e retirou equipamentos que estavam obstruindo o passeio público e impedindo o direito de ir e vir da população em Icoaraci. Ao todo, foram cumpridos 20 autos de demolição e retirada de equipamentos instalados irregularmente nas calçadas do distrito. A operação foi realizada conjuntamente, nesta quarta-feira (6), pela Agência Distrital de Icoaraci, Seurb (Secretaria Municipal de Urbanismo) e GBel (Guarda Municipal de Belém).


A ação começou pela Travessa Soledade, entre as ruas Manoel Barata e Padre Júlio Maria, onde diversas coberturas irregulares foram demolidas. Também foi feita a desobstrução de calçadas que possuíam defesas construídas irregularmente, ferindo assim o Código de Postura.


Segundo o chefe do setor de Postura e Urbanismo da Agência Distrital, Francisco Oliveira Júnior, todos os proprietários já haviam sido notificados desde o ano passado. Um caminhão Munck, um trator e duas caçambas foram usados para recolher o material resultante das demolições. 


A ação, que foi acompanhada por dez guardas municipais do GAT (Grupamento de Ações Táticas), chamou a atenção dos moradores, mas não houve nenhum tipo de incidente. 'Nós estamos dando apoio à ação para que os agentes possam cumprir as notificações sem problemas', informou o sub-Inspetor Elias Oliveira.


Na passagem Maura, entre as ruas Padre Júlio Maria e 15 de Agosto, um trailer de venda de lanches que ocupava toda a calçada foi retirado. O proprietário, que já tinha sido notificado, acompanhou a retirada do equipamento. Os fiscais tomaram cuidado para evitar problemas com a eletricidade, visto que o trailer estava ligado irregularmente na rede elétrica da passagem.


Na Travessa Andradas com a Rua Manoel Barata, uma grande quantidade de ferro velho se encontrava em cima da calçada, impedindo o tráfego de pessoas. Todo o material foi recolhido.  


O caso mais grave, que chamou a atenção da equipe de demolição, foi a construção de um alicerce de concreto em cima de um canal, na Rua 15 de Agosto, quase esquina com a Soledade. Os agentes da Agência Distrital e Seurb tiveram que usar marretas para destruir as vigas que seriam usadas, segundo Francisco Oliveira Júnior, para construir uma residência.


Fonte: Comus