Mais Acessadas

Evento vai debater rumos da navegação


Em 06 de maio, 2010 - 21h09 - Negócios



A coordenação do V Congresso Internacional de Transportes na Amazônia (Trans 2010) e da V FITRAM (Feira Internacional de Transportes na Amazônia) promoveu um café da manhã nesta quinta-feira (6), nas instalações da Fiepa (Federação das Indústrias e Empresas do Paráiepa), em Belém, que reuniu jornalistas, empresários, governo estadual e autoridades do setor marítimo. 

O Capitão dos Portos da Amazônia, CMG Roberto Bueno destacou que “Qualquer atividade que venha fortalecer o poder marítimo nos interessa. Segurança na navegação é um grande negócio”. Já o representante da Fiepa, Ivanildo Pontes, ressaltou a importância do Trans 2010. “Entendemos que o transporte marítimo é de grande importância, não somente pela redução de custos, mas principalmente pelas questões ambientais”, disse Pontes. 

Eduardo Carvalho, vice-presidente do Sindicato das Empresas de Navegação Fluvial e Lacustre e das Agências de Navegação do Estado do Pará (Sindarpa) e diretor da empresa Mc Log, apresentou o panorama da navegação no Brasil, e relembrou que no primeiro evento, o TRANS 1998, tinha um sonho. “No meu discurso em 1998 disse que queria navegar no Rio Tocantins e hoje afirmo que há cinco anos estou navegando neste rio”.

Segundo Carvalho, o Trans 2010 representa uma mudança de mentalidade, destacou que “Temos o desafio de transportar 50 milhões de toneladas/ano na região Norte para os próximos cinco anos, o custo de logística crescente precisa do modal marítimo. O Trans é o momento de discutirmos as oportunidades, desafios e soluções no transporte marítimo da Amazônia”.

Serviço:
TRANS 2010
Período: 18 a 20 de Maio de 2010
Local: Boulevard das Feiras e Exposições – Estação das Docas
Inscrições e Informações: (91) 3244-7164

Redação Portal ORM