Mais Acessadas

Hiddink promete força máxima da Austrália contra o Brasil


Por: Fonte: Globo Online Em 18 de dezembro, 2007 - 11h11 - Rainhas

O técnico da Austrália, Guus Hiddink, disse que está preparado para apostar tudo numa vitória dos Socceroos sobre o Brasil na partida de domingo entre as equipes pelo Grupo F da Copa do Mundo.

Hiddink havia dito que poderia poupar alguns jogadores contra a seleção brasileira para ter o time completo no último jogo da chave, contra a Croácia, mas agora promete força máxima contra os brasileiros.

A Austrália derrotou o Japão por 3 a 1 em sua estréia na Copa, e Hiddink espera manter o bom momento de seu time, sabendo que uma vitória sobre os campeões mundiais pode classificar os australianos para as oitavas-de-final.

- O sucesso no primeiro jogo teve um impacto tremendo em todo o mundo e na Austrália, mas agora vamos para o dia da verdade - afirmou o técnico holandês neste sábado. - É um jogo muito atrativo com os atuais campeões mundiais. Todo mundo espera uma grande vitória da seleção brasileira, mas nosso papel é fazer oposição - acrescentou.

A grande preocupação de Hiddink são os quatro jogadores que receberam cartão amarelo contra o Japão e que ficarão fora da partida contra os croatas caso voltem a ser punidos contra o Brasil.

- Este jogo merece um time que nós consideramos bom para fazer oposição e não vamos deixar de fora todos os jogadores que levaram cartão amarelo - disse o treinador. - Vamos sair para fazer o resultado, queremos deixar uma boa impressão no mundo todo, e não acho que devemos pensar muito no terceiro jogo, o que vai acontecer depois veremos mais para frente - concluiu.

Hiddink, grande tático que conduziu Holanda e Coréia do Sul a semifinais de Copas do Mundo, disse que não se ilude sobre a difícil tarefa de sua equipe e sabe o risco que está correndo:

-Somos azarões com letra maiúscula. É difícil dizer como vamos conseguir o resultado. Temos várias táticas, mas contra um grande time como o Brasil, eles têm muita experiência e podem lidar com qualquer mudança tática, porque normalmente estarão dominando a partida.