20 de abril, 2014 - Belém

Session Beer:


Você já deve ter visto por aí algumas cervejas que, antes de anunciar o nome do estilo, são precedidas pela expressão “Session”. Pois bem, as session beers podem ser de qualquer estilo, desde de que cumpram certa regra: fazer com que o bebedor curta a cerveja por longo período de tempo - por apresentar baixo teor alcoólico - sem abdicar dos aromas e sabores característicos do estilo. Deve ser refrescante e com alto drinkability. Várias cervejarias, principalmente americanas, estão lançando cervejas neste formato para contrapor às famosas versões “Imperial” e “Double”. Quem se encaixa perfeitamente nesta filosofia é a Founders All Day IPA, uma Session IPA com amargor suave e bem equilibrado. Notas herbáceas e de frutas, como abacaxi e maracujá, casam perfeitamente com o leve toque de malte. Deliciosa e fácil de tomar. Harmonize com um dia calor escaldante!

A cervejaria: 
Paulaner 

A história desta cervejaria alemã começa no século XVII, mais precisamente em 1634, quando dez monges Paulinos da Itália - daí surgiu o nome da cervejaria - foram levados ao mosteiro Neudeckob der Au, em Munique. Felizes eram os monges que, nos períodos de jejum, só podiam tomar cerveja, considerada o “pão líquido”. Os monges preparavam uma cerveja tão saborosa que, em 1806, despertou o interesse de Franz Xaver Zacherl. O alemão comprou a área da cervejaria e deu início a produção da Weissbier, até hoje a cerveja de trigo líder em vendas na Alemanha. Valendo-se da Lei da Pureza, tem em seu portfólio estilos como Hefe-Weissbier Dunkel (cerveja de trigo escura) e a Original Müncher Hell, com leve amargor e altamente refrescante. Um dos destaques da cervejaria é a Paulaner Salvator, a primeira cerveja produzida no mosteiro, uma Doppelbock forte, escura, de alto teor alcoólico, com maltes nobres e lúpulos da região de Hallertau. A Paulaner, hoje, é uma grande companhia, sendo a principal cervejaria exportadora da Alemanha e patrocinadora do time de futebol Bayern de Munique.

NOVIDADES
CERVEJEIRAS

Mais duas cervejas norte-americanas chegam ao país, via importadora Interfood. A Magic Hat #9 é uma american pale ale com damasco e a Dundee IPA tem 6,3% de teor alcoólico e quatros lúpulos diferentes. 

A tradicional cervejaria alemã Ayinger chega com novidades ao Brasil. Além da famosa e premiada Doppelbock, considerada por especialistas uma das melhores do mundo, estão disponíveis os estilos Dunkel, Pilsen, Helles, Hefeweizen e Ur Weisse. 

A cervejaria Wäls, de Minas Gerais, ganhou duas medalhas no World Beer Cup, concurso realizado em Denver, nos Estados Unidos. As premiadas foram a Belgian Dubbel e Belgian Quadruppel.